Marussia contrata ex-Ferrari para cargo de chefe de aerodinâmica

A Marussia anunciou nesta sexta-feira uma contratação considerada de peso para a sua equipe técnica. Com larga experiência na Fórmula 1, incluindo trabalhos como projetista da Ferrari, o grego Nikolas Tombazis será o novo chefe de aerodinâmica da equipe.

Estadão Conteúdo

15 de janeiro de 2016 | 14h20

Tombazis foi projetista da Ferrari entre 2006 e 2014. Além disso, anteriormente o grego trabalhou na já extinta Benneton e também na McLaren. A Marussia também explicou que o grego se reportará ao diretor-técnico John McQuilliam.

"Estou muito feliz por estar me unindo à Marussia neste momento emocionante no seu desenvolvimento", disse Tombazis. "A equipe tem planos impressionantes e está investindo em todas as áreas corretas para alcançar suas ambições na pista, por isso estou muito ansioso para fazer parte dessa jornada", completou o dirigente.

Após ficar fora das últimas provas do campeonato de 2014 em razão de dívidas e também do início da temporada 2015, a Marussia conseguiu voltar ao grid da Fórmula 1. O britânico Will Stevens foi o titular em todas as provas que a equipe participou, enquanto o espanhol Roberto Merhi e o norte-americano Alexander Rossi se revezaram em algumas provas.

Para a temporada 2016, a Marussia ainda não anunciou qual será a sua dupla de pilotos. Mas a equipe deve iniciar o campeonato com melhores perspectivas do que nas anteriores, pois passará a utilizar os motores da Mercedes, considerados os melhores da Fórmula 1.

A equipe vem passando por várias mudanças nas últimas semanas. John Booth deixou o cargo de chefe, enquanto o diretor esportivo Graeme Lowdon também saiu da Marussia. Em compensação, Dave Ryan chegou para ser o novo diretor de provas. Agora, a equipe também contratou Tombazis.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1MarussiaNikolas Tombazis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.