Wong Maye-E/AP
Wong Maye-E/AP

Massa admite dia ruim, mas espera evoluir em Cingapura

Piloto fica na 12ª colocação na primeira atividade do dia e em 15º lugar na seguinte

AE, Agência Estado

20 de setembro de 2013 | 16h09

CINGAPURA - O brasileiro Felipe Massa tentou adotar um tom otimista para o treino de classificação do GP de Cingapura, marcado para este sábado, após o seu decepcionante desempenho nas sessões de treinos livres desta sexta-feira no circuito de rua de Marina Bay. O piloto da Ferrari ficou na 12ª colocação na primeira atividade do dia e em 15º lugar na seguinte e na classificação geral do dia, mas acredita que conseguirá melhorar o seu desempenho na definição do grid de largada.

"Eu acho que para o treino de classificação de amanhã precisamos refazer nossos passos, tentando melhorar o equilíbrio do carro. Tenho certeza de que vai ser melhor e que eu vou conseguir encontrar mais uma vez o carro que eu estou acostumado a pilotar", disse Massa.

O brasileiro reconheceu que esteve longe de encontrar o melhor acerto para a o seu carro nos treinos livres desta sexta. "Este foi um dia difícil, porque eu lutei para encontrar o caminho certo para avançar em ambas as sessões", disse Massa, explicando que fez diferentes testes durante as atividades iniciais do GP de Cingapura.

"Na primeira sessão, me concentrei em avaliar vários componentes aerodinâmicos, enquanto na segunda conseguimos completar o programa, fazendo trechos longos, começando com os pneus supermacios e terminando com os médios. Junto com a equipe, decidimos ir em outra direção para tentar encontrar um ajuste com o qual eu ficasse mais confortável nesta pista. Infelizmente, isto não produziu os resultados que esperávamos", completou.

O GP de Cingapura será o primeiro de Massa pela Ferrari desde que a equipe confirmou a decisão de não renovar o contrato do brasileiro, que será substituído na próxima temporada pelo finlandês Kimi Raikkonen. Assim, além de buscar um bom resultado na prova, Massa precisa se preocupar em definir o seu futuro, pois tem o desejo de permanecer na Fórmula 1 em 2014.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1GP de CingapuraFerrari

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.