JF Diorio/Estadão
JF Diorio/Estadão

Massa anuncia que disputará Corrida de Duplas da Stock Car em 2018

Piloto faz anúncio após se aposentar definitivamente da Fórmula 1

Estadão Conteúdo

06 de dezembro de 2017 | 18h38

Já vivendo sua fase pós-Fórmula 1 no automobilismo, Felipe Massa anunciou nesta quarta-feira que disputará uma das etapas da temporada 2018 da Stock Car. O piloto brasileiro vai participar da Corrida de Duplas da categoria, ao lado de Cacá Bueno, pela equipe Cimed Racing.

+ Promessa do automobilismo brasileiro é confirmada na Academia da Ferrari

A prova também vai marcar o retorno do vice-campeão mundial de F-1 de 2008 ao Autódromo de Interlagos. O circuito de São Paulo vai receber a prova das duplas no dia 10 de março. Deve ser a etapa de abertura da temporada 2018 da categoria - o calendário ainda será confirmado nos próximos dias.

"Fico honrado pelo convite e terei muito orgulho de fazer minha estreia na Stock Car em dupla com o maior campeão em atividade e meu grande amigo, Cacá Bueno. Além disso, a Cimed Racing, como atual bicampeã, é a equipe ideal para encarar um desafio como este, em uma categoria extremamente competitiva", declarou Massa.

"Será especial reencontrar os torcedores brasileiros após minha emocionante despedida no GP do Brasil, desta vez em minha primeira corrida após a F-1. Vamos trabalhar bastante para coroar esta participação com um bom resultado iniciando esta nova fase de minha carreira", afirmou o piloto de 36 anos.

Depois de se despedir de Interlagos como piloto da F-1 no dia 12 de novembro, Massa fará seu retorno a uma competição brasileira de automobilismo. Ele não competia em solo nacional desde 1999, quando foi campeão da Fórmula Chevrolet. Será também sua primeira em carros de turismo desde 2002. "Vai ser a minha primeira corrida em uma categoria brasileira desde 1999. Vamos com tudo!!!", celebrou Massa.

Tudo o que sabemos sobre:
AutomobilismoFelipe MassaStock Car

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.