Massa diz que calor em Budapeste deve favorecer Ferrari

A previsão de calor em Budapeste não assusta Felipe Massa. O brasileiro acredita que as elevadas temperaturas no GP da Hungria devem favorecer o desempenho da Ferrari. "Será um fim de semana muito quente e digo que o calor se ajusta bem ao nosso carro", declarou o piloto.

AE, Agência Estado

25 de julho de 2013 | 15h25

"Por isso, se o carro funcionar bem, nós podemos esperar por um bom ritmo na corrida para atacar os rivais e não apenas se defender", afirmou o piloto da Ferrari. "Mas antes vamos ter que esperar para ver o que acontece no treino classificatório, que será um momento muito importante para nós".

Na Hungria, Massa vai tentar se recuperar do desempenho frustrante nas últimas quatro etapas do campeonato. Erros no volante custaram bons resultados e causaram batidas nos GPs de Mônaco, Canadá, Inglaterra e Alemanha. Uma rápida reação, neste fim de semana, é necessária que o brasileiro siga pensando em renovar seu contrato com a equipe italiana.

Focado na corrida de domingo, Massa evita falar sobre seu futuro. "Vamos esperar para ver. No momento minha maior preocupação é obter resultado. O resto não é tão importante agora. Bons resultados não me ajudarão apenas aqui na Ferrari, mas também em outras equipes, caso eu não siga aqui", declarou.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1GP da HungriaMassa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.