Massa e Nasr ficam fora de testes da Pirelli em Abu Dabi

Os brasileiros Felipe Massa e Felipe Nasr não participarão dos testes da Pirelli em Abu Dabi, na próxima terça-feira, dia 1º de dezembro. A Williams, de Massa, será representada pelo finlandês Valtteri Bottas, enquanto a Sauber terá o sueco Marcus Ericsson, companheiro do brasileiro na equipe, e o chinês Adderly Fong.

Estadão Conteúdo

27 de novembro de 2015 | 19h12

Os testes servem para a Pirelli fazer ajustes nos compostos que estão sendo preparados para a temporada 2016 da Fórmula 1. Pelo acordo da fornecedora com a categoria, as equipes deveriam ceder seus pilotos titulares para todos os testes. Mas, desta vez, poucos times cumprirão a exigência.

Campeã do Mundial de Construtores, a Mercedes terá o reserva Pascal Wehrlein, da Alemanha. A McLaren será representada pelo belga Stoffel Vandoorne, enquanto a Lotus terá o britânico Jolyon Palmer.

Já a Ferrari e a Red Bull terão seus principais pilotos na pista: Sebastian Vettel e Kimi Raikkonen, pelo time italiano, e Daniel Ricciardo e Daniil Kvyat, pela equipe austríaca. A Toro Rosso também terá seus titulares, o espanhol Carlos Sainz e o holandês Max Verstappen.

A Force India terá um titular e um novato: o alemão Nico Hülkenberg e o mexicano Alfonso Celis. A Marussia, por sua vez, vai contar com dois novatos: o indiano Rio Haryanto e o britânico Jordan King. Os testes serão realizados durante todo o dia, na terça. Os pilotos vão se revezar nos carros, modelo 2015, seguindo as demandas da Pirelli.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Abu DabitestesMassaNasr

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.