Albert Gea/Reuters
Albert Gea/Reuters

Massa exalta teste sem imprevistos e elogia potencial do novo carro

Brasileiro faz o terceiro melhor tempo da sexta-feira em Barcelona e demonstra entusiasmo com o carro para a temporada 2015

Estadão Conteúdo

20 de fevereiro de 2015 | 17h17

Felipe Massa fez o terceiro melhor tempo desta sexta-feira nos treinos coletivos da Fórmula 1 em Barcelona. E considerou o dia bastante proveitoso. Elogiou o rendimento de sua Williams e destacou o teste sem imprevistos, depois que a equipe teve problemas na quinta-feira, com a piloto Susie Wolff.

A escocesa se envolveu num acidente com o também brasileiro Felipe Nasr, da Sauber, e prejudicou o desempenho da Williams no primeiro dia de atividades na cidade catalã. Com a colisão, o time britânico não conseguiu completar todo o programa estabelecido para quinta.

Somente nesta sexta a Williams pôde ganhar maior rodagem na pista da Catalunha, com o carro guiado por Felipe Massa. "Completamos o programa do dia sem qualquer problema inesperado'', comentou o brasileiro. "Trabalhamos nos pneus nesta tarde e agora temos muitos dados para serem analisados.''

Massa foi o terceiro mais rápido da sessão desta sexta, com 1min24s672 (88 voltas). Só ficou atrás do australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull (1min24s574, 143), e do finlandês Kimi Raikkonen, da Ferrari (1min24s584, 90). "O carro tem muito potencial e percebemos um pouco deste potencial, mas ainda temos muito trabalho a fazer'', avaliou.

Durante a sessão, Massa recebeu uma visita ilustre nos boxes da Williams. O compatriota Neymar, craque do Barcelona, aproveitou a presença dos pilotos e carros na cidade para conhecer um pouco sobre os bastidores da Fórmula 1.  Mais tarde, os dois postaram fotos juntos nas redes sociais. "Obrigado pela visita, irmão @neymarjr. Muleke (sic) gente fina demais!!!", escreveu o piloto da Williams.

Os treinos em Barcelona prosseguem neste sábado e a Williams decidiu mandar à pista seus dois pilotos titulares: Massa e o finlandês Valtteri Bottas.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1WilliamsMassa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.