Susana Vera/Reuters
Susana Vera/Reuters

Massa fica decepcionado com oitavo lugar no grid do GP da Espanha

Brasileiro 'torce para que, com tanque cheio, a Ferrari funcione' na corrida deste domingo

AE, Agência Estado

21 de maio de 2011 | 13h41

BARCELONA - O brasileiro Felipe Massa não escondeu a decepção com o resultado do treino de classificação para o GP da Espanha de Fórmula 1, no Circuito da Catalunha. Com dificuldades para conseguir um bom desempenho com a sua Ferrari, ele conquistou apenas o oitavo melhor tempo para a corrida de domingo em Barcelona (com largada às 9 horas, ao vivo na rádio Estadão ESPN - FM 92,9/AM 700).

"Este definitivamente não foi o desempenho de classificação que estávamos esperando, durante todo o fim de semana nós sofremos com o balanço do carro. Precisaríamos ter um começo perfeito para estar mais acima na ordem e não foi o caso", lamentou o brasileiro, que largará quatro posições atrás do espanhol Fernando Alonso, seu companheiro de equipe na Ferrari.

Massa espera que o carro da escuderia italiana tenha um desempenho melhor na corrida com o tanque cheio, como ocorreu em outras provas desta temporada. "Vamos torcer para que, com tanque cheio, o carro funcione melhor e então poderemos ver se podemos conseguir um bom resultado", disse.

O brasileiro revelou preocupação com o desgaste dos pneus e explicou que a degradação dos compostos influenciou na estratégia no treino de classificação. "Em uma pista como essa não vai ser fácil administrar os pneus da melhor maneira, nem encontrar a melhor estratégia possível. No Q2 decidimos ficar na garagem, correndo o risco de não conseguir continuar, porque não teria feito muito sentido passarmos e, em seguida, ficarmos no Q3 sem pneus novos", comentou.

Por conta do desgaste dos pneus, Massa aposta em uma corrida com muitas ultrapassagens, o que costuma ser raro nas provas no Circuito da Catalunha. "É claro que sofremos mais que os outros com os pneus duros. Ultrapassagens? Definitivamente vamos ver mais do que no passado em um circuito como este e será principalmente pela degradação dos pneus", disse.

Veja também:

link Vettel faz o melhor tempo do último treino livre para o GP Espanha de F1

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.