Graham Hughes/ AP Photo
Graham Hughes/ AP Photo

Massa lamenta acidente logo no início de GP: 'Não faço ideia do que aconteceu'

Piloto brasileiro foi atingido por colombiano Carlos Sainz após a largada

Estadão Conteúdo

11 de junho de 2017 | 20h30

Depois de largar na sétima colocação, o brasileiro Felipe Massa não teve o que comemorar no GP do Canadá de Fórmula 1 neste domingo. Logo após a largada, o piloto da Williams nem viu seu carro ser atingido pelo colombiano Carlos Sainz e precisou abandonar a prova.

Pelo rádio, o brasileiro tentou entender o que havia acontecido. "Inacreditável. Não faço ideia do que aconteceu aqui. Acho que alguém bateu em mim", disse para a equipe. Em entrevista ao Sportv durante a corrida, ele falou sobre o que sentiu no momento da batida.

"O carro pegou uma velocidade imensa, como se tivesse perdido os freios. Conversei com o Sainz logo que desci. Ele disse que alguém bateu nele. Era impossível saber o que tinha acontecido, soube agora que vi na televisão", lamentou.

A direção de prova entendeu que Carlos Sainz foi culpado pelo acidente e puniu o colombiano com a perda de três posições no grid de largada no GP do Azerbaijão, que acontecerá dia 25. Sainz, da Toro Rosso, se chocou com o francês Romain Grosjean, perdeu o controle do carro e tirou Massa da prova.

"Pela televisão, vi que havia um carro da Haas (de Grosjean) na direita em meu ponto cego, que não cheguei a ver. Nos tocamos e a partir daí me tornei um passageiro indo para trás, tocando Felipe (Massa) e depois o muro. Graças a Deus não me aconteceu nada, porque foi uma batida muito forte", comentou Sainz.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.