Massa lamenta novo acidente, mas exibe otimismo

O brasileiro Felipe Massa não escondeu a decepção por ter sofrido nesta sexta-feira, no segundo treino livre do GP da Inglaterra, o seu quarto acidente mais forte nos últimos três finais de semana de corrida da Fórmula 1. O piloto perdeu o controle da sua Ferrari na pista molhada do circuito de Silverstone e acabou fechando o dia na última posição.

AE, Agência Estado

28 de junho de 2013 | 16h19

"Estou muito decepcionado com o que aconteceu hoje, assim como o acidente me custou valioso tempo, especialmente em termos de obter uma compreensão do comportamento dos pneus aqui em Silverstone", lamentou o ferrarista, para depois explicar o seu novo acidente - antes disso, ele teve duas batidas fortes, no treino e na prova do GP de Mônaco, e em uma sessão do GP do Canadá.

"Na saída da curva, me encontrei em um pedaço de pista que ainda estava muito úmido e perdi o controle do carro: naquele momento, os pneus duros da Pirelli ainda não haviam aquecido o suficiente e eu não teria como evitar o impacto. Por sorte, o carro sofreu apenas danos leves", completou o brasileiro.

Massa, porém, exibiu otimismo ao projetar o treino de classificação deste sábado, tendo em vista o fato de que as previsões climáticas indicam melhores condições para os pilotos. "A melhora do tempo esperava para amanhã (sábado) nos dá razões para sermos otimistas. Tenho certeza de que, juntos (ele e Fernando Alonso), vamos tentar o nosso melhor para que possamos lutar com nossos principais rivais", projetou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.