Andrew Brownbill/AP
Andrew Brownbill/AP

Massa não consegue encontrar acerto ideal da Ferrari

Baixa temperatura da pista prejudica aquecimento dos pneus e ele diz que vai correr para somar pontos

estadão.com.br

27 de março de 2010 | 04h18

Felipe Massa não foi além da quinta posição no grid de largada para o GP da Austrália de Fórmula 1 porque não conseguiu encontrar o acerto ideal de sua Ferrari. Ele reconhece que está problemas e que seu objetivo na corrida deste domingo (largada às 3 horas de Brasília) será somar o maior número de pontos possíveis.

Veja também:

linkVettel é pole na Austrália, em dobradinha da Red Bull

"Realmente estou [decepcionado]. Na primeira sessão estava quente, depois disso a temperatura caiu e complicou, eu não consigo encontrar o grip ideal [aderência] no pneu. Vamos ver se amanhã [domingo] a gente consegue entrar na temperatura certa", explicou, em entrevista à TV Globo.

O brasileiro evita o comparativo com o companheiro Fernando Alonso - que larga à frente, em terceiro lugar - mas reconheceu que o espanhol está fazendo melhor. "O jeito de guiar e o acerto fez com que ele [Alonso] conseguisse ir melhor. No meu carro tento mudar mas não consigo".

Massa repete o tradicional discurso otimista comparando com o que aconteceu na corrida de estreia da temporada, a duas semanas. "Vamos tentar [melhorar o carro], a corrida é longa, no Bahrein a gente conseguiu. Não vai ser fácil, mas vamos tentar somar o máximo de pontos."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.