Massa perde ponto por ordem da equipe

Assim como Rubens Barrichello teve de atender ordens de equipe no GP da Áustria de F1, deixando Michael Schumacher vencer a corrida, neste domingo foi a vez de Felipe Massa experimentar a desgastante sensação de deixar de graça a sexta colocação ao seu companheiro na Sauber - Nick Heidfeld. Assim, terminou em 7º lugar no GP da Alemanha.Na 32ª volta de um total de 67, o brasileiro tinha na sua frente o francês Olivier Panis, da BAR, em sétimo, e atrás Heidfeld. Nas voltas seguintes, Panis erraria e abandonaria a prova, enquanto Kimi Raikkonen, da McLaren, teria um pneu estourado. Nessa altura, Peter Sauber, sócio do time de Massa, ordenou que ele permitisse ser ultrapassado por Heidfeld, que acabou em sexto, tirando a chance de Massa de somar mais um ponto."É sempre difícil aceitar essa coisas. Se fosse para o Nick me passar e conseguir algum resultado melhor, tudo bem, mas ele ficou ali, na minha frente", falou Massa, irritado.Já na etapa de Nurburgring, dia 23, Peter Sauber havia solicitado ao brasileiro que facilitasse a vida de Heidfeld. Massa não obedeceu e ele ficou em sexto, enquanto o alemão classificou-se logo atrás. "Claro que gostaria de eu ter feito aquele ponto e não ele. Trabalhei para isso."O que estava incomodando Massa, neste domingo, era o fato de a equipe perceber que Heidfeld não teria como avançar na corrida porque os demais estavam muito à sua frente. "Por uma questão de justiça, deveriam ordená-lo a deixar eu passar de novo." O problema é que seu futuro está nas mãos do complicado e imprevisível Peter Sauber, que afirmou não saber ainda se renovará o contrato de Massa.Futuro - Enrique Bernoldi, da Arrows, realizava neste domingo outro bom trabalho, quando o motor o deixou no meio da pista. Amanhã, ele viaja para os Estados Unidos. Oficialmente de férias com a namorada, mas comenta-se que ele irá conhecer a equipe de Eddie Cheever na IRL, patrocinada também pela Red Bull, que o apoia na Fórmula 1.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.