McLaren apresenta novos problemas

O modelo MP4/16 da McLaren voltou a apresentar problemas nesta quinta-feira, em Barcelona, no penúltimo dia de testes de pré-temporada da Fórmula 1. O campeonato terá início dia 4 de março, com o GP da Austrália. Apesar de Mika Hakkinen e Alex Wurz terem completado mais de 80 voltas cada, o motor Mercedes do carro do finlandês estourou na última curva de sua última volta. O carro deslizou no óleo e saiu da pista. Hakkinen fez sua melhor volta em 1min20s46. Wurz marcou 1min20s49. Juan Pablo Montoya, da Williams, foi o terceiro com 1min22s00. A equipe do colombiano só volta à pista em Melbourne, nos treinos para a abertura da temporada. A McLaren encerra nesta sexta-feira a sua preparação.O outro piloto da McLaren, David Coulthard, treinou pit stops em Silverstone, ao lado das equipes Jordan, Arrows e Benetton, que faziam testes de avaliação de seus carros. A novidade do treino foi o brasileiro Mário Haberfeld, convidado pela Jordan, que marcou 1min38s90.Prost - A equipe francesa anunciou nesta quinta-feira que os motores Ferrari a serem utilizados pela equipe em 2001 serão chamados de Acer, nome de uma multinacional da informática, e nova patrocinadora da escuderia.Jaguar - O chefe da equipe, Bobby Rahal, repreendeu a atitude do piloto irlandês Eddie Irvine, que acusou o modelo R-2 da equipe de ser "muito lento". "Não acho que essas críticas sejam uma boa maneira de motivar a equipe", disse Rahal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.