Mark Thompson/AFP
Mark Thompson/AFP

Mercedes descarta Vettel e afirma que renovará contrato com Hamilton e Bottas

Dirigente da escuderia alemão revela plano de manter a dupla de pilotos na próxima temporada

Redação, Estadão Conteúdo

07 de julho de 2020 | 09h41

O futuro de Sebastian Vettel parece estar mesmo longe da Fórmula 1 a partir de 2021. Depois da Ferrari decidir não renovar o seu vínculo para contratar o espanhol Carlos Sainz Jr., a Renault estar perto de anunciar o retorno do espanhol Fernando Alonso à categoria e a Red Bull não ter qualquer indicação de querer contar com sua volta, o alemão foi descartado pela Mercedes, que sinalizou a renovação com o inglês Lewis Hamilton e o finlandês Valtteri Bottas.

Quem falou sobre esse assunto foi Ola Kallenius, diretor-executivo da Daimler, proprietária da Mercedes. O dirigente disse estar muito satisfeito com a dupla atual e descartou contratar Vettel. "Vamos ficar com nossos dois rapazes", disse à emissora de TV alemã Sky Sports.

"Posso entender que este (ter Vettel) seja um pensamento muito empolgante para os fãs alemães. Mas com Lewis e Valtteri, nós já temos dois pilotos top que atuam no nível mais alto. Vimos isso com Valtteri conquistando a pole com uma volta fantástica. Ficamos com os dois pilotos que temos agora", encerrou Kallenius.

Contratado pela Mercedes depois da temporada de 2012, Hamilton já conquistou 62 poles, subiu ao pódio em 102 oportunidades e venceu 63 vezes, levantando cinco troféus de campeão mundial - o primeiro foi com a McLaren, em 2008. Já o finlandês, que chegou em 2017 para substituir o alemão Nico Rosberg, que anunciou a sua aposentadoria em 2016 após faturar o título, venceu oito vezes, com 37 pódios e 12 poles.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.