Daniel Munoz/Reuters - 26/3/2010
Daniel Munoz/Reuters - 26/3/2010

Mercedes diz que precisa de tempo para vencer na F-1

Norbert Haug, diretor-esportivo da escuderia, espera seguir os passos da Red Bull

AE, Agência Estado

16 de agosto de 2011 | 10h49

BRACKLEY - O diretor-esportivo Norbert Haug avisou que a Mercedes vai demorar mais alguns anos para lutar efetivamente pelo título da Fórmula 1. Na categoria desde 2010, quando substituiu a Brawn GP, a equipe ainda não conquistou vitórias e o dirigente avaliou a situação como natural. Além disso, lembrou que a Red Bull, que atualmente domina a categoria, demorou a se tornar competitiva.

"A Red Bull levou cinco anos para construir esse sistema e a primeira corrida foi vencida por Sebastian Vettel na Toro Rosso, que é um carro similar", disse Haug, em entrevista ao site da revista inglesa Autosport. "Com todo o respeito e crédito a eles, levou tempo. Precisamos aceitar que precisa levar um tempo".

Para Haug, as principais equipes da Fórmula 1 nunca estiveram tão fortes como nesta temporada. Por isso, a escuderia não tem conseguido acompanhar o ritmo de Red Bull, McLaren e Ferrari, estando apenas em quarto lugar na classificação do Mundial de Construtores.

"Tivemos certamente neste ano um grupo difícil com concorrentes muito fortes, provavelmente mais forte do que nunca na história da Fórmula 1. Nós temos três equipes que ganharam corridas, a McLaren está em posição de ganhar mais, a Ferrari está em posição de ganhar mais", disse. "Claro, a Red Bull venceu a maioria deles, mas ambas fizeram um trabalho impressionante, que dependia às vezes da natureza do circuito e nós nos colocamos como o número quatro".

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1MercedesNorbert Haug

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.