Mercedes quer mudanças em regras da Fórmula 1

Nick Fry, chefe da equipe Mercedes, defendeu nesta segunda-feira que sejam feitas mudanças nas regras da Fórmula 1 para que as corridas sejam mais emocionantes. Com o fim do reabastecimento, o GP do Bahrein, que abriu a temporada 2010 da categoria, teve poucas ultrapassagens e foi considerada "chata" pelo dirigente.

AE, Agência Estado

15 de março de 2010 | 15h41

Veja também:

\"especial\" CALENDÁRIO - Todas as etapas de 2010

mais imagens GALERIA - Mais imagens da corrida

blog LIVIO - F-1, viagens e tecnologia

"Acho que todos vimos uma corrida que estava longe de ser a mais emocionante que já vimos, e o que agora precisamos fazer é olhar e ver o que podemos fazer", afirmou Fry, em entrevista ao site da revista inglesa Autosport, temendo que a categoria enfrente problemas financeiros por conta da monotonia das provas.

Fry sugeriu que as equipes sejam obrigadas a realizar dois pit stops em todas as provas para troca de pneus. "Acho que devemos analisar se podemos fazer duas paradas obrigatórias. Parece ridículo que os mecânicos treinem de forma infernal para apenas um pit stop", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.