Mercedes vê Red Bull imbatível e mira terceiro lugar

O domínio da Red Bull nos treinos livres de sexta-feira para o GP da Índia, com o alemão Sebastian Vettel em primeiro lugar e o australiano Mark Webber na segunda colocação, levou os pilotos da Mercedes a adotarem metas modestas para o restante do fim de semana. Como acreditam que será praticamente impossível superar a equipe austríaca, eles admitem que vão ficar satisfeitos com o terceiro lugar na prova e a segunda fila no grid de largada. Foi o que reconheceu o inglês Lewis Hamilton, o quarto mais rápido do dia.

AE, Agência Estado

25 de outubro de 2013 | 11h53

"É difícil conseguir o acerto aqui e este circuito é muito difícil para os pneus, então acho que todo mundo estava lutando com o composto macio. Nosso carro se sente muito bem nesta fase inicial, mas há definitivamente algumas áreas que podemos melhorar durante a noite. Estamos trabalhando em busca de um forte desempenho no treino de classificação amanhã à tarde, de preferência na segunda fila, e então espero um lugar no pódio, o que seria bom", disse.

Nico Rosberg seguiu a mesma linha de Hamilton. O piloto alemão foi o terceiro mais rápido no primeiro treino livre, terminou o dia na sexta colocação e apontou a Red Bull como imbatível. "A questão principal neste fim de semana é poder largar da terceira posição, atrás das duas Red Bull, porque parece impossível pará-los neste circuito. Mas estou confiante de que farei um bom papel na batalha de amanhã e no domingo", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.