Montezemolo lamenta morte de piloto

O presidente da Ferrari, Luca Cordero di Montezemolo, manifestou pesar hoje, pela morte do piloto Michele Alboreto, que correu pela escuderia italiana entre os anos de 84 e 88. "Michele Alboreto foi muito importante para a história da Ferrari. Foi um piloto inteligente, sempre atento ao desenvolvimento técnico dos carros?, afirmou ele, na sede da equipe em Maranello. ?Lamento profundamente sua morte. Michele seguiu correndo e demonstrando sua paixão pelo esporte, que proporciona riscos a cada curva?, finalizou o dirigente. O ex-piloto italiano morreu nesta quarta-feira em um acidente de carro no circuito de Lausitzring, próximo à cidade de Dresden, na Alemanha. Alboreto, de 44 anos, realizava testes com o carro Audi R-8, com o qual iria participar das 24 Horas de Le Mans, na França

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.