Moto: Barros é atropelado em treino

O brasileiro Alexandre Barros teve um dia atribulado neste domingo em Suzuka, no primeiro dos dois dias de treinos coletivos reunindo os pilotos que no dia 6 disputam, na pista japonesa, a primeira etapa do Mundial de MotoGP. Primeiro, teve problema com o sistema de injeção de combustível de sua Yamaha M1. Depois, foi literalmente atropelado pela moto Kawasaki do australiano Andrew Pitt.O acidente aconteceu quando o estreante Pitt perdeu o ponto de freada em um trecho do circuito e sua moto tocou a de Barros, que caiu. No chão, o brasileiro foi atingido, no capacete, pela Kawasaki do australiano. Ele sofreu contusões leves nas costas e na nuca e um pequeno corte no queixo.Barros, que anteriormente já havia sofrido uma queda, precisou esperar cerca de duas horas para ter a moto acertada novamente. Por isso, só conseguiu treinar para valer na parte da tarde. E fez o segundo melhor tempo do dia (2min02s250), sendo superado pelo italiano Valentino Rossi (Honda, 2min05s060), apontado como seu maior concorrente na luta pelo título.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.