Na Cart, outra vitória de Paul Tracy

O canadense Paul Tracy foi o vencedor do GP de da Cidade do México, hoje, pela Fórmula Cart. Assistido por mais de 200 mil torcedores, Tracy aumentou ainda mais sua vantagem sobre o segundo colocado na competição, o brasileiro Bruno Junqueira, que ficou apenas na sétima colocação. Restam duas etapas: Surfer?s Paradise e Fontana. Tracy terminou a prova, de 70 voltas, em 1h56min51s396, seguido pelo francês Sebastien Bourdais, a1s782, e pelo mexicano Mario Dominguez, que chegou após 3s254. Antes da corrida do México, a diferença entre o líder e Bruno Junqueira era de 16 pontos. Com a brilhante vitória, Tracy, que liderou a prova até o final, agora tem 226 pontos, contra 197 do brasileiro. Antes mesmo do início da corrida Bruno sentia-se indisposto, com problemas estomacais, provavelmente provocados pela água que tomou. No intervalo do warm-up e a largada, o piloto tomou soro na veia no centro médico. "Estou mutíssimo frustrado. Passei mal a corrida toda, e foi bem difícil sobreviver no cockpit - e chegar apenas na sétima colocação", desabafou. Além disso, o brasileiro reclamou do desempenho de seu carro: "Meu motor estava com algum problema de potência. Sempre que chegava em alguém, não tinha como ultrapassar. Todos me ultrapassavam com muita facilidade. Me senti um idiota na pista." A próxima etapa será em Surfer?s Paradise, na Austrália, no dia 26. "O Paul tracy abriu um grande resultado com a prova de hoje. Sei que precisarei de muita sorte para conseguir vencer esse campeonato. Mas ainda não está terminado", declarou Bruno.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.