'Nada deu certo', lamenta Massa após ficar em 16.º lugar

Felipe Massa não escondeu a decepção após o GP da Europa de Fórmula 1, neste domingo, em Valência, onde terminou a prova no 16.º lugar e viu o seu companheiro de Ferrari, Fernando Alonso, vencer de forma brilhante. Com o triunfo, o espanhol retomou a liderança do campeonato e abriu nada menos do que 100 pontos (111 a 11) em relação ao brasileiro na classificação do Mundial.

AE, Agência Estado

24 de junho de 2012 | 16h56

"O que você quer que eu diga, nada deu certo hoje (domingo). Da oitava volta em diante eu comecei a sentir que algo não estava certo na parte de trás do carro e, até o fim da corrida, a equipe encontrou algum dano que havia arruinado completamente o equilíbrio e o nível de força aerodinâmica", afirmou Massa.

Apenas o 16.º colocado deste Mundial de Fórmula 1, o ferrarista admitiu ter ficado "muito desapontado" com os problemas que envolveram a sua participação no GP da Europa. Ele teve um pneu dianteiro furado ao ser tocado por Kobayashi em uma relargada e precisou ir para os boxes. Em seguida, uma falha na troca de pneus fez o piloto cair para a 20.ª posição, em uma prova na qual chegou a ficar em sétimo lugar.

O brasileiro, porém, não deixou de elogiar Alonso e comemorar o bom desempenho do seu companheiro de Ferrari. "O carro estava indo muito bem hoje e estava no nível dos melhores. Fico feliz pelo Fernando, que fez uma corrida fantástica para ganhar, mas há também um pouco de amargura, pois hoje (domingo) a corrida poderia ter sido boa para nós dois", completou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.