Nelsinho abandona e Paludo é 4.º na estreia na Nascar Truck Series 2011

Brasileiros tiveram desfechos diferentes em corrida marcada por acidentes com muitos carros

MILTON PAZZI JR., estadão.com.br

19 de fevereiro de 2011 | 03h40

DAYTONA BEACH, Estados Unidos - A estreia dos brasileiros na temporada 2011 da Nascar Truck Series teve um lado positivo e um negativo, nas 250 milhas de Daytona (oval). O positivo foi o 4.º lugar de Miguel Paludo (Stemco Duroline Toyota), sendo o melhor estreante na prova, e o negativo foi a quebra que tirou Nelsinho Piquet – com a presença do pai, Nelson, no autódromo – da prova a 20 voltas do fim. Michael Waltrip foi o vencedor da prova.

Paludo, mais à frente no grid e também com uma estratégia mais conservadora, conseguiu se manter entre os dez melhores até próximo do final. Evitou o mais complicado dos acidentes, na volta 96 (a quatro do final) quando dez carros se enroscaram na entrada da curva 1. A corrida foi interrompida com bandeira vermelha, para limpeza da pista. Ele voltou em terceiro e teve uma volta para manter a posição. Foi ultrapassado a metros da linha de chegada.

Como largou em penúltimo lugar, Nelsinho procurou ganhar posições rapidamente e se estabelecer em um grupo intermediário. A estatégia da Kevin Harvick Inc. era esperar por acidentes e bandeiras amarelas e evitar que ele se envolvesse em algum. Daí, aproveitar a diminuição de pilotos na pista e, no final, brigar pela liderança.

Assim, três acidentes depois e no terço final da prova, o brasileiro estava entre os 20 melhores. Ele e seus companheiros de equipe – Elliot Sadler e Ron Hornaday Jr. – procuravam se ajudar, seja em busca de vácuo, seja evitando o avanço dos rivais. Houve um momento de grande susto, na volta 74, quando seis carros bateram ao lado dele – e tanto Nelsinho quanto Paludo escaparam por pouco, ilesos. 14 carros se envolveram no acidente.

Na volta 80 veio o abandono: o Chevrolet Silverado de Piquet começou a falhar. E ele não conseguiu voltar, tendo de abandonar, para decepção de sua família e amigos que o acompanhavam. O desfecho ruim na estreia não tira, porém, a expectatifva de boa temporada para o filho do tricampeão mundial de F1.

A próxima etapa da Truck Series para Nelsinho e Paludo é já na próxima sexta-feira (25 de fevereiro) em Phoenix.

*O repórter viaja a convite do piloto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.