Nelsinho afirma estar feliz com ponto obtido na China

Ao marcar pontos pela segunda vez consecutiva, neste domingo com o oitavo lugar no GP da China, o piloto brasileiro Nelsinho Piquet, da Renault, afirmou estar satisfeito com o resultado que ajudará a sua equipe a ficar na quarta posição no campeonato de construtores da Fórmula 1."Foi uma corrida dura, mas estou feliz com o meu desempenho. Claro que gostaria de ter progredido mais na pista, mas no final o resultado foi satisfatório", declarou o piloto, que largou em 10.º. "Marquei um ponto, que poderá ajudar a equipe a confirmar a quarta colocação no campeonato dos construtores". Para Rubens Barrichello, da Honda, seu desempenho no circuito de Xangai foi superior á corridas anteriores. "Foi uma corrida melhor do que em outras recentes, mas me decepcionou porque não marquei pontos", disse. O brasileiro chegou na 11ª colocação. "Tive uma grande largada, ultrapassei três carros na primeira volta e pulei para a 10ª posição", explicou o piloto, que saiu da 13ª posição no grid. "Entretanto a nossa posição na chegada mostra a capacidade do carro. Temos que ficar felizes com o que conseguimos com o material que temos".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.