Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Nelsinho Piquet é pole na F3 inglesa

O pai já não corre há muito tempo, mas o filho não deixa a torcida esquecê-lo. Mesmo dando seus primeiros passos no automobilismo, Nelsinho Piquet, de apenas 18 anos, começa a impressionar os entendidos no assunto. Neste sábado, nos treinos que definiram os grids de largada da 15ª e 16ª etapas da Fórmula 3 Inglesa, no circuito de Rockingham, em Corby (Inglaterra), ele obteve uma pole position no treino da manhã, com 1m28s652, e um segundo lugar à tarde, fazendo 1m29s044.Não só no talento, mas também no temperamento, o jovem piloto lembra o pai, o tricampeão mundial de F1 Nelson Piquet. Após perder a pole no segundo treino do dia (válido para a 16ª etapa) para seu principal rival na categoria, o britânico Jamie Green (1m28s765), Nelsinho deixou o carro bravo, de cara fechada e esbravejando com os mecânicos da equipe (a Piquet Sports)."Fiquei com o segundo lugar por causa de um problema que já vem ocorrendo há muito tempo e nunca consertam. Isso vai enchendo né", explicou Nelsinho. Qual seria o problema? "Ah, você não vai entender... bom, é um problema no rádio, de comunicação com a equipe."Segundo Nelsinho, ele não teria sido avisado que Jamie Green havia tomado a ponta, achou que fosse outro piloto. "Se eu soubesse, ainda podia tentar alguma coisa", justificou.Nelsinho, em seu primeiro ano na F-3 Inglesa e faltando 10 etapas para o fim da temporada, ocupa a terceira colocação no campeonato, com 113 pontos, 20 atrás de Jamie Green (o piloto inglês larga em segundo na primeira prova do dia e na pole na segunda). O líder disparado é o sul-africano Alan Van Der Merwe, com 216 pontos (sai na quarta posição nas duas corridas). As duas etapas serão disputadas neste domingo. A 15ª começa às 7h30. Três horas e meia depois, será dada a largada para a 16ª (ambas no horários de Brasília).

Agencia Estado,

02 de agosto de 2003 | 13h58

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.