Valdrin Xhemaj/EFE
Valdrin Xhemaj/EFE

Nico Rosberg espera 'brecha' em Mônaco para bater Lewis Hamilton

Alemão venceu a primeira prova da temporada, na Austrália, e terminou em segundo em outras quatro corridas

Agência Estado

21 de maio de 2014 | 14h43

MONTECARLO - Líder do Mundial de Fórmula 1 até a última etapa, o alemão Nico Rosberg perdeu a condição para seu companheiro de Mercedes, Lewis Hamilton, no GP da Espanha. Mesmo com a cordialidade entre os colegas de equipe, Rosberg não escondeu o desejo de recuperar a posição e garantiu que espera apenas uma "brecha" de Hamilton no GP de Mônaco, neste domingo, para alcançar seu objetivo.

"Tem sido uma batalha dura até agora e eu espero que continue desta forma. Claro, ele agora está com ritmo pelos resultados das últimas corridas, mas ainda estou muito perto. Eu só preciso de uma pequena brecha para virar o jogo. Vou começar a tentar fazer isso aqui em Mônaco", declarou nessa quarta-feira.

Rosberg venceu a primeira prova da temporada, na Austrália, e terminou em segundo nas quatro anteriores. O desempenho é ótimo, mas seu companheiro de Mercedes foi ainda melhor. Depois de não completar a corrida de estreia, Hamilton venceu as outras quatro e chegou à ponta do Mundial, com 100 pontos, três à frente do alemão.

"Claro que preferia estar na frente, mas estamos muito, muito próximos e ainda temos um longo caminho a percorrer. Então, estou focado no final de semana aqui, ansioso para isso, porque sei que tenho um carro fantástico no momento e espero que ele esteja muito, muito rápido também em Mônaco", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.