Doma Sports/EFE
Doma Sports/EFE

No Catar, Bagnaia supera rivais da Yamaha e crava primeira pole da MotoGP em 2021

Fabio Quartararo, com 1min53s038, e Maverick Viñales, com 1min53s088, ficaram nas 2ª e 3ª colocações, respectivamente

Redação, Estadão Conteúdo

27 de março de 2021 | 15h48

Francesco Bagnaia conquistou a primeira pole position da MotoGP em 2021 e também a sua primeira na carreira. Neste sábado, nos instantes finais da sessão classificatória para a etapa do Catar, o piloto da Ducati foi dominante e cravou o melhor tempo: 1min52s772. De quebra, o italiano bateu o recorde do circuito de Lusail.

O francês Fabio Quartararo (1min53s038) e o espanhol Maverick Viñales (1min53s088), ambos da Yamaha, fecharam a atividade na segunda e terceira colocações, respectivamente, e completam a primeira fila do grid na prova que abre a temporada de 2021 da MotoGP.

O veterano italiano Valentino Rossi, da Yamaha SRT, surpreendeu nos últimos segundos da classificação e garantiu o quarto posto, com o tempo de 1min53s114. Ele quase beliscou o terceiro lugar, mas, com o cronômetro zerado, foi superado por Viñales.

Na sequência vieram o australiano Jack Miller (1min53s215), parceiro de Bagnaia na Ducati, na quinta colocação, e o francês Johann Zarco, da Pramac, fez o sexto melhor tempo (1min53s286).

O italiano Franco Morbidelli, da Yamaha, vai largar em sétimo, seguido pelo espanhol Aleix Espargaró, da Aprilia. Parceiros na Suzuki, Alex Rins e o atual campeão Joan Mir completam os dez primeiros colocados no grid de largada para a prova no Catar.

A largada da etapa do Catar, primeira corrida de 21 previstas no calendário de 2021, está prevista para as 14h (horário de Brasília) do domingo. Antes, às 9h40, haverá um aquecimento de 20 minutos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.