O que Hamilton precisa para ser campeão neste domingo?

Saiba todas as possibilidades que o piloto inglês tem para levantar a taça no Grande Prêmio da China

Livio Oricchio, do Estadão,

05 de outubro de 2007 | 16h55

Para Lewis Hamilton ser campeão na China, necessita que a diferença para Fernando Alonso na classificação do campeonato não seja inferior a 11 pontos. Hoje o inglês soma depois de 15 etapas 107 pontos, enquanto seu companheiro na McLaren, 95. A diferença é de 12 pontos. Ambos têm 4 vitórias cada, primeiro critério de desempate. Veja também: Classificação do Mundial Leia mais no Blog do Lívio Se Hamilton vencer, mesmo com Alonso em segundo, o estreante fica com o título. Já o contrário, Alonso em primeiro e Hamilton em segundo, Alonso estende a definição do Mundial para o Brasil, dia 21, prova de encerramento da temporada. Alonso tiraria 2 pontos da diferença e ambos ficariam separados por 10 pontos. Hamilton classificando-se em terceiro precisa que Alonso não vença ou seja 2.º. Na hipótese de o jovem negro concluir o GP da China em 4.º, de novo Alonso não pode ser 1.º ou 2.º. Se terminar em 5.º, o espanhol não pode terminar em 1.º, 2.º ou 3.º. Em 6º, o bicampeão não pode estar entre os quatro primeiros. Em 7.º, Alonso não pode ficar entre os cinco primeiros. Hamilton pode ser campeão com o 8.º lugar, desde que Alonso não se classifique dentre os seis primeiros. Para entrar para a história como o único estreante campeão, Hamilton pode nem marcar pontos, desde que Alonso não seja receba a bandeirada dentre os sete primeiros. Kimi Raikkonen, da Ferrari, ainda tem uma pequena chance de ser campeão. Mas necessita para levar a disputa a Interlagos vencer em Xangai ou ser 2.º e ainda torcer para Hamilton não marcar quatro pontos, com um 5.º lugar, por exemplo. Felipe Massa, com 80 pontos, não tem mais como alcançar Hamilton já que a diferença entre ambos é de 27 pontos e há apenas 20 em disputa nas corridas da China e do Brasil.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.