Para Fernando Alonso, nova McLaren só agrada nas cores

O bicampeão Fernando Alonso reclamou nesta quinta-feira do modelo MP4/22 da McLaren, que será utilizado ao longo desta temporada na Fórmula 1. Para o espanhol, o carro não está pronto para ganhar corridas e precisará de ajustes. A única coisa que ele destacou como positiva foram os tons vermelho e prata do veículo."Até agora, o que mais gostei foi das cores. Mesmo registrando bons tempos nos treinos, o carro não está pronto. O pior é que os dias estão acabando", contou Alonso, preocupado para a estréia na temporada, que acontecerá no dia 18 de março, com o Grande Prêmio da Austrália, no Circuito de Melbourne.Na última quarta-feira, a McLaren foi superada pela primeira vez no ano pela Ferrari - foi nos treinos em Jerez de la Frontera, quando o brasileiro Felipe Massa registrou o melhor tempo da sessão, com 1min19s746. Alonso foi apenas o quarto (1min20s046), superado até pelo seu companheiro, o inglês Lewis Hamilton, que acabou em segundo (1min19s821).Apesar das reclamações, Alonso contou que já está totalmente entrosado com a equipe e que deve fazer um bom mundial. O piloto também aproveitou para criticar a sua antiga escuderia (a francesa Renault). "Dos nossos rivais, a Ferrari também começou bem, assim como a Renault. Mas, acredito que esta última cairá ao longo da competição, como sempre."No ano passado, Alonso chegou a ter mais de 25 pontos de vantagem sobre Michael Schumacher. No entanto, sua Renault caiu de rendimento. Ele só conseguiu se segurar na liderança com a quebra da Ferrari do rival no Grande Prêmio do Japão, na penúltima prova de 2006.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.