Para inglês Lewis Hamilton, McLaren vive seu melhor momento

Com a vitória no GP da Alemanha, piloto inglês abriu quatro pontos de diferença para o vice-líder Felipe Massa

Redação,

20 de julho de 2008 | 14h36

Líder isolado no Campeonato Mundial de Fórmula 1, Lewis Hamilton comemorou a vitória e o bom desempenho do carro no GP da Alemanha. Ao final da décima etapa, o piloto inglês chegou aos 58 pontos, quatro a mais que o segundo colocado Felipe Massa.   Veja também:  Hamilton vence e Piquet é segundo no GP da Alemanha  Felipe Massa é só elogios para o pódio de Nelsinho Piquet  Classificação do campeonato As emoções do GP da Alemanha Nelsinho conquista o primeiro pódio da carreira na Fórmula 1 Blog Lívio Oricchio   Hamilton largou na pole position e chegou em primeiro na corrida desse domingo, disputada em Hockenheim. Mas a posição de grid e o resultado da corrida não significam que o piloto encontrou facilidades durante a prova. Há 16 voltas do fim, o inglês se viu na quinta posição devido a uma estratégia errônea da equipe McLaren.   "Não planejei isso. Teria preferido uma tarde tranqüila na dianteira", disse Hamilton. "No geral foi um fim de semana muito, muito bom", acrescentou o piloto que teve que lutar para recuperar as posições.   Pelo rádio, o chefão da McLaren Ron Dennis se desculpou pelo erro da equipe, quando não chamou o piloto no Safety Car, após a forte batida de Timo Glock, da Toyota. "Desculpe por ter tornado a coisa um pouco mais difícil para você. Queria dar a você a chance de pilotar um grande carro de corrida", disse Ron Dennis.   Em resposta, Hamilton tratou logo de agradecer a equipe e lembrar que o time vive seu melhor momento no Campeonato, o que os fortalece para a disputa do Campeonato.   "Gostaria de agradecer o trabalho, pelo carro, muito obrigado. Foi um excelente fim de semana, talvez o melhor que tive nessa temporada. Estamos no melhor nível que já chegamos. A equipe está muito bem, tenho uma perspectiva excelente", afirmou Hamilton.   A vitória do inglês foi sua segunda consecutiva, quarta no Campeonato e oitava na carreira.   (com informações EFE)  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.