EFE/Christian Bruna
EFE/Christian Bruna

Perez ultrapassa Leclerc nos segundos finais e lidera 3º treino livre do GP de Mônaco de F-1

Piloto mexicano da Red Bull consegue a ponta em momento derradeiro do treinamento

Redação, Estadão Conteúdo

28 de maio de 2022 | 10h54

Com segundos finais muito agitados, o terceiro treino livre do GP de Mônaco terminou com o mexicano Sergio Perez na primeira posição. O piloto da Red Bull assumiu a ponta nos momentos decisivos, ultrapassando Charles Leclerc com tempo de 1min12s476. A dupla ferrarista formada por Leclerc e Sainz ficou com as duas colocações seguintes, com tempos de 1min12s517 e 1min12s846, respectivamente.

Líder da temporada, mas seguido de perto por Leclerc, Max Verstappen ficou com o quarto melhor tempo do treino, com 1min12s881. Pierre Gasly também brilhou na quente manhã de Mônaco e terminou com a quinta colocação, com a marca de 1min13s210, seguido de perto por Lando Norris (1min13s226).

Lewis Hamilton, que fez uma grande corrida de recuperação na última etapa, não teve um bom desempenho no TL3 e esbravejou durante as voltas dentro do carro. O britânico fechou o treinamento na sete melhor posição, com tempo de 1min13s375. O top 10 ainda contou com Kevin Magnussen (Haas), George Russell (Mercedes) e Fernando Alonso (Alpine), que vem de uma grande corrida em Barcelona no fim de semana passado.

Após liderar todos os treinos no GP da Espanha e encaminhar um vitória tranquila na corrida, que terminou com abandono por falta de potência no carro, o monegasco Leclerc deixou a primeira colocação do TL3 pela primeira vez.

Durante a prova, o ferrarista Carlos Sainz foi chamado para o box e precisou diminuir o ritmo a 15 minutos do fim, momento em que Leclerc trocou seus pneus para tentar uma volta ainda mais rápida para confirmar o melhor tempo do dia. Sainz voltou bem e as voltas finais foram apertadas, com grande revezamento nas primeiras posições durante os segundos finais.

Lance Stroll errou feio na reta final do treinamento, pegou um calombo na pista e bateu no muro. O canadense caiu para os últimos lugares e não se recuperou, terminando na 18 posição. Os 20 pilotos voltam à pista do tradicional circuito de Mônaco às 11h da manhã deste sábado para os três treinos classificatórios. A largada para a corrida acontecerá no domingo, às 10h.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.