Jorge Araujo/AP - 02/01/10
Jorge Araujo/AP - 02/01/10

Piloto italiano sofre acidente grave no Rally Dakar

'São lesões graves, e ele corre risco de morte. Ele está conectado a um respirador artificial', diz médico

AE, Agencia Estado

07 de janeiro de 2010 | 15h41

O italiano Luca Manca sofreu um acidente nesta quinta-feira, durante a sexta etapa do Rally Dakar, e está internado em estado grave no Chile.

 

Veja também:

especial Webventure - acompanhe tudo sobre a disputa

De acordo com as primeiras informações, o competidor sofreu uma lesão cerebral depois de uma queda de sua moto. Ele está em coma induzido e respira com a ajuda de aparelhos.

"São lesões graves, e ele corre risco de morte. Ele está conectado a um respirador artificial, e decidimos mantê-lo em coma induzido para que ele não retire os aparelhos", explicou Miguel Cortés, médico que atendeu o competidor após o acidente.

Luca Manca, de 29 anos, competia com uma moto KTM e ocupava a 25ª colocação no Rally Dakar. Ele caiu no quilômetro 14 da etapa, nas proximidades da cidade chilena de María Elena. Depois de ser atendido no local, foi levado para um hospital em Calama, a 1.574 km da capital, Santiago.

O acidente com o italiano é a primeira ocorrência grave envolvendo um participante do rali em 2010. A edição deste ano já registrou uma morte, da espectadora argentina Natalia Sonia Gallardo, que foi atropelada pelo carro do alemão Mikro Schultis.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.