Hiroshi Yamamura/EFE
Hiroshi Yamamura/EFE

Piloto Jules Bianchi continua em 'estado crítico, porém estável'

Perto de completar um mês do grave acidente sofrido no GP do Japão de Fórmula 1, francês continua internado em Yokkaichi

Estadão Conteúdo

30 de outubro de 2014 | 13h09

Perto de completar um mês do grave acidente sofrido no GP do Japão de Fórmula 1, Jules Bianchi se mantém em "estado crítico, porém estável", de acordo com comunicado divulgado pela família do piloto nesta quinta-feira. O francês continua internado no Hospital Geral de Mie, na cidade japonesa de Yokkaichi.

"No domingo já vai completar quatro semanas do acidente de Jules e ele continua internado no Hospital Geral de Mie. Sua condição, segundo os médicos, segue crítica, porém estável", afirmou o comunicado da família, repetindo as mesmas informações divulgadas anteriormente.

Os familiares explicaram que, apesar de não haver novidades, se sentem na obrigação de se manifestarem sobre o estado de saúde em razão das demonstrações de apoio dos fãs. "Sabemos que há um grande número de pessoas ao redor do mundo que estão apoiando Jules e torcendo por sua luta. Devemos isso aos fãs", registraram, no comunicado.

Eles afirmaram também que, embora tenham surgido notícias sobre novos tratamentos para o francês, não haverá mudanças quanto ao atendimento que vem recebendo. "Jules continua em sua luta. E, neste momento, esta luta continuará aqui em Yokkaichi. Estamos avaliando tudo degrau por degrau."

Os médicos do hospital japonês estão em contato direto com neurocirurgiões da University La Sapienza, de Roma, e com o professor Gerard Saillant, presidente da Comissão Médica da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), segundo os familiares. "Vamos fornecer novas atualizações quando for mais apropriado. Enquanto isso, agradecemos a todos que continuam a enviar seus pensamentos e orações a Jules", afirmaram.

Bianchi sofreu grave acidente na 43.ª volta do GP do Japão, no Circuito de Suzuka. Sob forte chuva, o piloto da Marussia perdeu o controle do seu carro na curva sete, escapou da pista e se chocou com o trator que removia da área de escape a Sauber do alemão Adrian Sutil, que sofreu acidente na volta anterior da prova.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.