Pilotos da McLaren lamentam dificuldades na largada

Os pilotos da McLaren lamentaram as dificuldades que tiveram na largada do GP da Itália, neste domingo. Jenson Button sofreu o maior prejuízo ao cair para sétimo, após sair em terceiro. Seu companheiro Lewis Hamilton, que largou em quarto, perdeu duas posições.

AE, Agência Estado

11 de setembro de 2011 | 15h54

Apesar da queda na saída, Button se saiu melhor que Hamilton e cruzou a linha de chegada em segundo lugar. Só ficou atrás de Sebastian Vettel, vencedor da prova e líder disparado do campeonato.

"Eu não sei se eu conseguiria desafiar Sebastian hoje. Foi uma pena termos uma largada tão ruim. Foi uma questão pequena, mas que nos custou muito tempo. Nós fizemos um bom trabalho nos pit stops. Foi bom chegar em segundo, mas você sempre quer um pouco mais", avaliou Button.

Hamilton, por sua vez, perdeu a chance de brigar pelo pódio ao protagonizar intensa disputa com o veterano Michael Schumacher. Os dois brigavam pela terceira posição quando Button surpreendeu com duas rápidas ultrapassagens e entrou na briga pelo segundo lugar, com Alonso.

"Não foi um bom resultado. Eu larguei em segundo e caiu duas posições. Definitivamente, não estou feliz", comentou Hamilton, que ficou em quarto lugar na prova. O inglês admitiu que teve muita dificuldade para passar Schumacher.

"Eu estava muito devagar nas retas. Eu fiquei preso atrás dele. Ele estava muito rápido, até mesmo quando eu acionava o DRS (asas ajustáveis do carro) nas retas", lamentou o piloto da McLaren, que usa o mesmo motor da Mercedes de Schumacher.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.