Heino Kalis/Reuters - 1/2/2010
Heino Kalis/Reuters - 1/2/2010

Pilotos não acreditam em novo fenômeno como a Brawn

Ferrari, Mercedes, Red Bull e McLaren são apontadas como favoritas ao título da temporada 2010

REUTERS

16 de fevereiro de 2010 | 15h04

Os pilotos da Fórmula 1 não acreditam em um novo fenômeno como a Brawn, que atordoou a categoria no ano passado.

Ferrari, Mercedes, Red Bull e McLaren serão as forças a serem consideradas em 2010, previram eles nesta terça-feira.

No ano passado, a Brawn, que se tornou Mercedes, surgiu das cinzas da Honda para conquistar o título de construtores e ajudar Jenson Button a garantir o título de pilotos.

Entretanto, neste ano os novos "quatro grandes" parecem estar à frente do restante.

"Acho que McLaren, Mercedes e Red Bull são as equipes para as quais teremos que dar a maior atenção", disse Fernando Alonso, da Ferrari, à Sky TV italiana antes da terceira sessão de testes oficial de pré-temporada, a partir de quarta-feira em Jerez.

"É impossível escolher um, só esperamos que nenhuma das três seja competitiva".

O heptacampeão Michael Schumacher, que desistiu da aposentadoria para correr pela Mercedes, está satisfeito com o avanço de sua equipe nos testes até agora.

"Estou totalmente convencido que temos um carro que tem condições de brigar pelo campeonato", disse ele ao site oficial da Fórmula 1.

"Onde estamos exatamente é difícil de dizer. Isso é especialmente verdade para mim, já que não tenho os dados do carro do ano passado", completou o piloto de 41 anos.

O alemão Sebastian Vettel torce por um tempo mais seco nesta semana do que nos testes em Jerez da semana passada.

"Elas estão mais ou menos juntas, dentro de alguns décimos, então nós, a Ferrari, a Mclaren e a Mercedes, eu acho que estão bastante próximas", disse o piloto da Red Bull.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Brawn GPvelocidade

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.