Piquet: Rubinho já assinou com a BAR

Nelson Piquet não deixou nenhuma dúvida, nesta sexta-feira no circuito Hungaroring: "Pode cravar aí, sou bem informado. O Rubinho assinou com a equipe BAR para disputar as duas próximas temporadas?. O comportamento recente do piloto da Ferrari parece dar crédito à informação de Piquet, ainda que ele tenha desconversado: "Nesse caso, ele sabe mais do que eu?, afirmou Rubinho, mas não negou que, como piloto de ponta, "conversas sempre existem?. Gil de Ferran, atual diretor-esportivo da BAR, pôs mais lenha na fogueira. "O Rubinho é um piloto capaz de levar uma equipe a lutar pelo título, como há outros aqui. Portanto ele nos interessa.? Nas últimas corridas, ficou bastante evidente o descontentamento de Rubinho com o tratamento oferecido pela Ferrari. Talvez a gota d?água tenha sido em Indianápolis. "Eu tinha vantagem segura para passar na saída de box na frente do Schumacher, uns 3 segundos, e de repente ele me aparece ali, tive de tirar o pé, sair da pista para não bater?, falou, inconformado. Acabou em segundo. O alemão venceu. Ainda que não haja nenhum comunicado oficial - ao contrário, o que existe são desmentidos -, as possibilidades de o negócio estar fechado, ou no mínimo bem encaminhado, são grandes. Na etapa da Alemanha, semana passada, o pai do piloto, Rubens, e seu advogado circularam pelo paddock. Historicamente quando isso ocorre Rubinho sempre troca de equipe. Foi assim no fim de 1996, quando se transferiu da Jordan para a Stewart, e no fim de 1999, desta para a Ferrari. Pode ser novamente o caso agora. Hoje, Frank Williams, deixou claro o que pensa do pedido de Jenson Button, atual piloto da BAR, que não mais deseja cumprir o contrato que assinou com a Williams, ano passado, e ficar onde está em 2006. "Será que terei de explicar a ele que contrato é contrato? Não há nada que necessite esclarecimento no documento que tenho, Button será piloto da Williams em 2006?, afirmou. Com a possível saída da Button, a BAR, de quem a Honda possui 45%, precisará de um piloto veloz, constante, com experiência, capaz de ajudar o time a crescer a ponto de lutar pelo campeonato. "Rubinho é capaz disso tudo. Queremos não apenas um, mas dois pilotos eficientes, como têm a Renault, McLaren e a própria Ferrari para sermos fortes a ponto de nos tornarmos campeões?, disse Gil de Ferran. Faltou as fontes de Piquet lhe dizerem para onde vai Felipe Massa, hoje na Sauber, já que pode haver relação entre a saída de Rubinho da Ferrari e a nova escuderia de Massa. "Até 15 de agosto o futuro de Massa estará decidido?, afirmou, hoje, Nicolas Todt, filho de Jean Todt e empresário do piloto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.