Pirelli aprova novos pneus da F1 após testes iniciais

Foram colocados na pista compostos dos quatro tipo disponíveis: duros, médios, macios e supermacios.

AE, Agência Estado

11 de fevereiro de 2013 | 20h58

JEREZ DE LA FRONTERA - O diretor da Pirelli na Fórmula 1, Paul Hembery, ficou satisfeito com os novos pneus testados na primeira semana da pré-temporada, no circuito espanhol de Jerez de la Frontera. Foram colocados na pista compostos dos quatro tipo disponíveis: duros, médios, macios e supermacios.

"Parece que estamos no caminho certo e as mudanças que fizemos estavam todas lá: os pneus estão mais rápidos que os equivalentes do ano passado. E eles têm uma janela maior quando estão no auge da performance", avaliou Hembery, depois de quatro dias de testes em Jerez.

"Estes quatro dias, com a maioria das equipes rodando já com o modelo novo, nos deram uma boa impressão geral sobre as características dos pneus de 2013", comentou o dirigente, apesar das dificuldades encontradas na abrasiva pista de Jerez. O calor facilitava o desgaste dos novos compostos da Pirelli.

"As condições em Jerez não eram as melhores neste ano. A pista estava muito abrasiva, muito acima de todas os circuitos do ano passado. Então, fica difícil tirar conclusões mais detalhadas. Reunimos muitas informações sobre os pneus duros e médiuns. E poucos dados sobre os macios. Já com o supermacio, não tivemos informações".

A Pirelli terá outra chance para obter mais detalhes sobre seus novos pneus na segunda semana da pré-temporada, a partir do dia 19, em Barcelona. A previsão é de que a temperatura na cidade espanhola estará mais baixa em comparação à Jerez.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Pirellipneus

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.