Pista da Fórmula 1 no Azerbaijão deve ter reta de 2 km de extensão

Corrida de rua em Baku deve receber o GP da Europa em 2016 e no trecho mais rápido vai possibilitar ao pilotos chegarem a 340 km/h

O Estado de S. Paulo

08 de outubro de 2014 | 16h18

Os responsáveis pelo circuito de rua de Baku, no Azerbaijão, divulgaram nesta terça-feira o traçado da pista. O local deve receber em 2016 pela primeira vez uma corrida de Fórmula 1, que será o GP da Europa. O acordo entre a categoria e o país para receber o evento foi anunciado no começo deste ano.

A pista foi desenhada pelo arquiteto alemão Hermann Tilke, que assina também outros autódromos da categoria, como Marina Bay, em Cingapura, o circuito das Américas, nos Estados Unidos, e o de Abu Dabi. No Azerbaijão a pista projetada deve ter cerca de 6 km de extensão e passar por pontos turísticos da cidade.

Pelo planejamento, o traçado inclui, por exemplo, o centro histórico e a perto da orla, por onde está desenhada uma longa reta, de 2 km de extensão. Nela, os pilotos devem atingir os 340 km/h. A pista deve incluir ainda curvas fechadas e de freadas fortes.

"Queríamos uma pista que mostrasse o melhor de Baku, nossa capital, e estou feliz pelo circuito no qual as equipes de Fórmula 1 correrão em 2016 ter alcançado exatamente este alvo", afirmou o ministro da juventude e esporte do Azerbaijão Azah Rahimov. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.