Prefeitura libera Interlagos para F1

A Prefeitura de São Paulo entrega nesta quinta-feira aos organizadores do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 a chave do autódromo de Interlagos. A cerimônia no local da prova, a partir das 10 horas, será realizada a exatamente um mês da corrida, marcada para 6 de abril.De acordo com as normas da FIA (Federação Internacional de Automobilismo), a transferência temporária da administração do local da corrida deveria ocorrer um mês antes do início oficial do evento, ou seja, dia 3 de março. Mas como essa data coincidiu com a véspera de carnaval, o prazo foi prorrogado.As milhares de pessoas envolvidas direta ou indiretamente com o mais importante evento esportivo internacional do Brasil têm feito um ótimo trabalho.Os ingressos estão sendo vendidos a todo vapor, tanto que ainda há apenas para os setores A e F (de melhor localização, na reta dos boxes) e G (do lado oposto).A administração municipal surpreendeu Charlie Whiting, inspetor de segurança da FIA, que um mês depois da corrida do ano passado apresentou um relatório mencionando o que deveria ser feito em Interlagos para o GP seguinte. Em geral, a agenda repleta do autódromo durante todo o ano, com provas de outras categorias, serve de desculpa para os reparos não serem feitos a tempo. Mas no dia 16 do mês passado, quando Whiting esteve em Interlagos para a vistoria, encontrou boa parte do que pediu já pronta ou em andamento.Os reparos incluíam sistema de drenagem na pista, reposicionamento do guardrail na curva Bico do Pato, recuperação de zebras, nivelamento da pista com as áreas de escape e reforma em três trechos: entre o Lago e o Laranjinha, entre o Pinheirinho e o Bico de Pato e na subida que antecede a reta dos boxes.O inspetor da FIA também pediu que o alambrado da subida anterior ao retão até o S do Senna fosse mais alto. De um metro e meio, as grades passarão a ter cinco de altura, com uma curva no alto - a exemplo dos alambrados das pistas norte-americanas, aqueles que Hélio Castro Neves escala a cada vitória, imitando o Homem-Aranha.Os ingressos do setor G são vendidos a R$ 218, com direito aos três dias (dois de treino mais a corrida). O setor A sai por R$ 315 os três dias e R$ 288 só o domingo. E o setor F custa R$ 685 os três dias e R$ 480 o domingo. Compras podem ser feitas pelo telefone (11) 3328-3231, com os cartões de crédito Diners, Mastercard e Visa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.