Daniel Dal Zennaro/EFE
Daniel Dal Zennaro/EFE

Presidente da Ferrari admite desejo de contratar Alonso

'Mais cedo ou mais tarde, eu farei isso acontecer', diz Montezemolo, que minimiza a chance de ser em 2010

AE, Agência Estado

11 de setembro de 2009 | 10h31

MONZA - As especulações sobre um acordo entre o espanhol Fernando Alonso e a Ferrari aumentam a cada dia na Fórmula 1. Nesta sexta-feira, foi a vez de o presidente da escuderia italiana, Luca di Montezemolo, apimentar o boato. O dirigente afirmou que pretende ter o bicampeão na equipe. Só não disse quando isso poderá acontecer.

Veja também:

F-1 2009 - tabela Classificação | especialCalendário

especial ESPECIAL: jogue o Desafio dos Pilotos

blog BLOG DO LIVIO - Leia mais sobre a F-1

"Mais cedo ou mais tarde, eu farei isso acontecer. Vamos ver quando será", disse Montezemolo, que minimizou as chances de o espanhol defender a equipe já em 2010.

"Para o ano que vem já temos Raikkonen, Massa, Fisichella, Badoer, Gene e espero que Michael Schumacher. Então já temos um banco de reservas quase tão grande quanto o do Real Madrid", afirmou o dirigente.

"Temos dois grandes campeões: o piloto que ficou com o título de 2007 e o que foi campeão por 15 segundos em 2008. Então podemos dizer que são dois pilotos extraordinários", disse Montezemolo, antes de elogiar o espanhol.

"Sempre gostei de Alonso, porque ele é um grande piloto que acompanho desde o tempo em que corria pela Minardi. Agora ele conquistou títulos, e eu sempre pensei que, mais cedo ou mais tarde, todos os grandes pilotos correrão na Ferrari", afirmou o presidente.

Mais tradicional equipe da Fórmula 1, a Ferrari teve em seus carros pilotos como Alain Prost, Michael Schumacher, Niki Lauda e Nigel Mansell. Segundo Montezemolo, Ayrton Senna não teve tempo de receber sua chance. "Ele me disse, antes daquela prova em Ímola, que gostaria de encerrar a carreira na Ferrari", revelou o italiano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.