Presidente da Ferrari confia em recuperação no GP da Malásia

O presidente da Ferrari, Luca Cordero diMontezemolo, afirmou na quarta-feira estar seguro de que suaequipe conseguirá se recuperar na Malásia, no próximo fim desemana, depois de ter iniciado de forma catastrófica a atualtemporada de Fórmula 1, no Grande Prêmio da Austrália. Nenhum dos dois pilotos da escuderia italiana terminou aprova de domingo, apesar de o atual campeão mundial, KimiRaikkonen, ter conquistado um ponto depois de RubensBarrichello, da Honda, ter sido desclassificado em uma corridana qual somente sete carros receberam a bandeirada final. Lewis Hamilton, da McLaren, venceu a prova. "Tenho muita confiança em nossa equipe", afirmouMontezemolo ao site Sky Web (www.skylife.it). "Eles saberão aprender com o que aconteceu e, no próximoGrande Prêmio, veremos a verdadeira Ferrari." Segundo Montezemolo, o ex-dirigente da equipe Jean Todt,que renunciou ao cargo de CEO da Ferrari na terça-feira, mascontinua a integrar a diretoria, estava ajudando a descobrir oque fez com que os motores de Raikkonen e do brasileiro FelipeMassa sofressem panes em Melbourne. "Estamos trabalhando noite e dia porque queremos realizaruma boa prova no domingo", afirmou. "Todt me telefonou. Nóstalvez já tenhamos descoberto o que aconteceu com os doismotores." (Texto de Paul Virgo)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.