Jon Nazca/Reuters
Jon Nazca/Reuters

Quartararo desbanca Viñales e crava pole na Andaluzia; Márquez desiste de correr

Piloto francês, que venceu a corrida de estreia da temporada, larga na primeira posição pela segunda vez seguida

Redação, Estadão Conteúdo

25 de julho de 2020 | 11h34

Em grande fase neste início da temporada da MotoGP, o francês Fabio Quartararo, que venceu a etapa da Espanha, a primeira do ano, cravou a sua segunda pole seguida. O piloto da Yamaha SRT registrou o melhor tempo na sessão classificatória neste sábado e largará em primeiro na etapa da Andaluzia, em Jerez de La Frontera.

Quartararo disputou a pole com Maverick Viñales. Ele marcou 1min37s007 no Q2 e viu o espanhol superar sua marca. No entanto, o piloto da Yamaha excedeu o limite da pista na curva 7, teve seu tempo cancelado e vai sair da segunda posição.

O terceiro lugar ficou com o italiano Francesco Bagnaia, da Pramac. Correndo com a Yamaha, o veterano Valentino Rossi teve um bom desempenho no treino de classificação e largará em quarto, seguido pelo português Miguel Oliveira, da Red Bull KTM.

Completam a lista dos dez primeiros colocados, da sexta à décima posição, o italiano Franco Morbidelli, da Yamaha SRT, o australiano Jack Miller, da Pramac, o japonês Takaaki Nakagami, da LCR Honda, o sul-africano Brad Binder, da Red Bull KTM, e o espanhol Joan Mir, da Suzuki.

MÁRQUEZ FORA

O hexacampeão Marc Márquez, que chegou a ser liberado na última quinta para disputar a etapa da Andaluzia apenas dois dias depois de passar por uma cirurgia para reparar uma fratura no úmero do braço direito, não disputou a sessão classificatória e está fora da corrida em Jerez.

O espanhol da Honda chegou a participar do terceiro e quarto treinos livres neste sábado. No entanto, acabou desistindo de fazer o Q1 e seria o último do grid. Pouco depois, a Honda anunciou que Márquez não correrá.

"Não vamos mais correr riscos. Marc não vai correr", sentenciou o chefe da equipe, Alberto Puig. Ele explicou que a decisão foi tomada depois que Márquez voltou a sentir dores e estava menos confortável na pista, tanto que ele deu apenas uma volta na classificação antes de desistir.

Será a primeira vez que Márquez ficará ausente de uma corrida da principal categoria da motovelocidade. A última ocasião em que o espanhol não pôde correr por conta de uma lesão foi em 2011, quando ainda competia na Moto2.

A largada da etapa da Andaluzia, a segunda corrida da temporada 2020 da MotoGP, está prevista para as 9 horas deste domingo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.