Raikkonen aposta em Ferrari e McLaren na briga pelo título

Mas o finlandês campeão do mundo pede calma: 'Temos de esperar um pouco para ver quem é mais forte'

Ansa

13 de março de 2008 | 12h24

O título do campeonato de Fórmula 1 deste ano será disputado, aparentemente, entre duas equipes e quatro pilotos, disse o atual campeão mundial, Kimi Raikkonen, em uma coletiva de imprensa nesta quinta-feira em Melbourne, onde terá início, no próximo domingo, a temporada deste ano.Veja também:Pilotos e equipes da temporada 2008 da F-1Calendário e os circuitos da atual temporada da F-1 A expectativa para o GP da Austrália Blog do Livio: mais informações sobre a Fórmula 1 Reginaldo Leme e Livio Oricchio projetam 2008"Existem duas equipes e quatro pilotos que têm maiores chances, mas devemos esperar as primeiras corridas para ver quem é mais forte", ressaltou o piloto dando a entender que a grande disputa pelo título deste ano ficará novamente entre a Ferrari e a McLaren."Não vejo diferenças em relação ao ano passado. Conheço as pessoas, a equipe, está tudo ok. Será um campeonato cheio de dificuldades, mas é claro que tentaremos fazer nosso melhor. Com Massa, a situação é a mesma. O importante é o bem da equipe, depois veremos o que vai acontecer durante a temporada", continuou o piloto.Após lhe criar problemas no final do ano, a ausência do controle de tração parece não preocupá-lo mais: "Ocorreu antes do Natal, depois, com o novo carro, as coisas melhoraram. Na chuva e na pista escorregadia poderá haver dificuldades, mas eu não mudei muito meu estilo de pilotar".Raikkonen, por fim, ressaltou que Alonso "no ano passado foi muito importante para a McLaren. Este ano eles fizeram bem os testes. Serão competitivos, mas vamos ver o quanto nas próximas corridas". 

Tudo o que sabemos sobre:
Kimi RaikkonenFerrariFórmula 1

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.