Raikkonen diz ser cedo para apontar favoritos na F1

A vitória no GP da Austrália foi o melhor início possível de temporada para Kimi Raikkonen, mas o finlandês prefere ser cauteloso ao analisar a possibilidade de lutar pelo título mundial. Para ele, ainda é necessário observas as próximas corridas para avaliar quais são os favoritos. "Eu acho que nós temos que fazer duas ou três corridas antes de realmente saber quem é quem, onde e o que vai acontecer", disse.

AE, Agência Estado

19 de março de 2013 | 11h13

Na Malásia, local do próximo GP, Raikkonen venceu a sua primeira prova, em 2003. Ele também ganhou a corrida em 2008, mas acumula quatro abandonos. "A Malásia tem sido boa e ruim para mim no passado, eu tive algumas corridas ruins lá, mas eu também já venci duas vezes no circuito, incluindo a minha primeira vitória por isso é bom voltar para onde tudo começou, com a minha primeira vitória. Com certeza eu vou sempre lembrar que a minha primeira vitória no GP da Malásia, em 2003", disse.

Para Raikkonen, o calor e a chuva dificultarão o desempenho dos pilotos na prova, marcada para este domingo. "Eu gosto (do circuito de Sepang) e o desafio é sempre alto no início do ano, com o calor. É também um daqueles circuitos onde costuma chover em algum momento durante o fim de semana. Então você tem que planejar o programa com essa possibilidade também", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.