Raikkonen faz altos planos na McLaren

Como Jenson Button já não corresponde mais às enormes expectativas criadas depois de sua estréia excepcional na F-1, em 2000, os britânicos centraram todas as suas atenções em David Coulthard. O escocês é capa de várias publicações, por ser considerado hoje o número 1 da McLaren.Kimi Raikkonen, finlandês de 22 anos, estreante na equipe, seria seu coadjuvante. Mas se depender da personalidade de Kimi, Coulthard voltará a ser o número 2 em breve, como sempre foi para Mika Hakkinen. "Estou aqui para ser campeão e de preferência o mais jovem da história", reafirmou o finlandês em Melbourne. Emerson Fittipaldi, com 25 anos, em 1972, lidera até agora esse ranking.Se David Coulthard é manchete no seu país, sem que seu histórico na F-1 confirme a fama, o australiano Mark Webber, de 25 anos, estreante no Mundial pela Minardi, é destaque igualmente na Austrália. Jornais locais como Daily Telegraph, Courier Mail, Adelaid Advertiser, dentre outros, publicam reportagens sobre sua carreira, a família, o vôo realizado com os Roulettes da Força Aérea do seu país, etc.O sócio majoritário da Minardi é outro representante da Austrália: o milionário Paul Stoddart, dono da empresa de aviação European. Nesta quinta-feira, o modelo de dois lugares da equipe foi a sensação no circuito Albert Park, ao transportar convidados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.