Ralf diz que título da Toyota na F-1 é questão de tempo

O piloto alemão Ralf Schumacher considera-se um dos três principais pilotos da Fórmula 1 e insiste que é apenas uma questão de tempo para que a Toyota conquiste um título mundial na categoria."Definitivamente, eu me considero entre os mais fortes do mundo", disse Ralf, de 31 anos, ao jornal Bild. Na última quinta, o piloto da Toyota havia atropelado um pássaro no último treino da escuderia na Espanha.Décimo colocado no ano passado, o alemão ainda afirmou que poderia competir igualmente com todos os pilotos desta temporada. "Certamente Fernando Alonso [McLaren] e Kimi Raikkonen [Ferrari] são fortes, mas não tenho nenhum motivo para me esconder atrás de ninguém."Ralf também disse que espera fugir da sombra de seu irmão, Michael Schumacher, que se aposentou em outubro do ano passado. "Se eu não estivesse convencido das minhas habilidades, não estaria na Fórmula 1. A Toyota é a equipe do futuro", disse.A primeira prova do ano acontecerá no dia 18 de março, na Austrália, no Circuito de Melbourne.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.