Ralf será julgado amanhã em Paris

O apelo da equipe Williams contra a condenação de Ralf Schumacher pelo acidente na largada do GP da Alemanha, dia 3, será julgado amanhã na sede da FIA, em Paris. O alemão, quarto colocado no Mundial, com 53 pontos diante de 71 do líder, seu irmão Michael Schumacher, da Ferrari, foi condenado a largar domingo, no GP da Hungria, dez posições atrás da que conseguir na classificação, sábado. A pista de Budapeste foi modificada este ano para reduzir as dificuldades de se ultrapassar, mas mesmo assim largar no mínimo na 11.ª colocação significa quase que renunciar à luta pela vitória e, consequentemente, ao título da temporada. Se Ralf perder o recurso, a Williams deverá concentrar suas atenções em Juan Pablo Montoya, vice-líder do campeonato, com 65 pontos.

Agencia Estado,

18 de agosto de 2003 | 18h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.