Rali: português e belga vencem etapa

O português Bernardo Villar, nas motos, e o belga Gregoire de Mevius, nos carros, foram os grandes ganhadores no geral da penúltima etapa do Rali Paris-Dacar, disputada entre a cidade de Tichit e a capital senegalesca. As praias do Lago Rosa de Dacar receberam pela manhã os sobreviventas da prova, cuja vitória, salvo grande imprevisto, será do italiano Fabrizio Meoni, na categoria motos, e do japonês Hiroshi Masuoka, nos carros.A vantagem dos dois líderes contra seus principais adversários, respectivamente o sul-africano Alfie Cox e a alemã Jutta Kleinschmidt, é considerada praticamente impossível de ser superada. A diferença de Meoni para seu principal competidor é de 47 segundos. Masuoka estabeleceu uma margem um pouco menor: 22 segundos.Na etapa deste sábado, Villar, pilotando uma moto KTM, chegou à frenta do italiano Giovani Sala e do francês Richard Sainct, segundo e terceiros colocados da etapa, que contam com equipamento da mesma marca. O português concluiu o percurso em 1h43min01, 33 segundos à frente de seu principal adversário.Para chegar à vitória entre os carros, De Melvius, que pilota uma picape Nissan, teve de ultrapassar o favorito Masuoka e o também japonês Kenjiro Shinozuka. O piloto belga concluiu seu percurso em 1h33min06, 3s12 à frente do segundo colocado. A alemã Jutta Kleinschmidt, que fez história no ano passado ao ser a primeira mulher a vencer o Rali, foi quarta colocada na etapa.

Agencia Estado,

12 de janeiro de 2002 | 14h32

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.