Rally Dakar 2008 é cancelado por causa do terrorismo

Pela primeira vez na história, organizadores decidem suspender a disputa para garantir a segurança dos pilotos

Agências internacionais,

04 de janeiro de 2008 | 09h21

A edição do Rally Dakar 2008, prevista para começar neste sábado, foi anulada por falta de segurança, segundo confirmou a France Télévisions, a rede de televisão oficial da competição. É a primeira vez na história que a prova é cancelada, após 30 anos de disputa. Veja também  Comunicado dos organizadores na íntegra Eldorado FM: Jean Azevedo fala do cancelamento  Retrospectiva de atentados no Dakar Mensagem da Al-Qaeda é o motivo da anulação do Rally Dakar Blog do Solano: Cancelamento do Dakar Portugal lamenta o cancelamento do Rally Dakar Correspondente fala direto de Portugal sobre cancelamento - com áudioDe acordo com Daniel Bilalian, diretor esportivo da France Télévisions, "o bom senso prevaleceu para o cancelamento da disputa", mesmo sendo um "duro golpe". "Se fizéssemos a prova, toda nossa credibilidade seria questionada."Os organizadores também confirmaram o cancelamento da disputa, que já tinha designado 2,5 mil agentes para fazer a segurança dos pilotos.O governo francês havia expressado sérias dúvidas sobre a segurança da corrida, depois do assassinato de quatro turistas franceses na Mauritânia - as autoridades acreditam que a Al-Qaeda no Magreb, um grupo supostamente ligado à rede terrorista de Osama bin Laden, tenha sido o responsável pelas mortes.Ainda na manha desta sexta-feira, o ministro francês de Assuntos Exteriores, Bernard Kouchner, havia alertado os organizadores e participantes de que passar pela Mauritânia poderia ser perigoso. As autoridades teriam tido acesso a mensagens com ameaças. "Tivemos um incidente mortal na Mauritânia e queremos prevenir os competidores. Segundo nossos serviços de inteligência, poderemos ter mais incidentes", conta Kouchner.A prova deveria começar neste sábado em Lisboa, com sua conclusão acontecendo em 20 de janeiro, em Dakar, no Senegal.Atualizado às 9h30 para acréscimo de informação

Tudo o que sabemos sobre:
Rally Dakarterrorismo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.