Red Bull afirma que não era o momento de contratar Alonso

Equipe chegou a cogitar trazer o espanhol para a próxima temporada, mas ficou com o alemão Sebastian Vettel

EFE,

17 de julho de 2008 | 19h16

O diretor esportivo da Red Bull, Christian Horner, disse nesta quinta-feira no circuito de Hockenheim, palco do Grande Prêmio da Alemanha, que não era o momento de contratar o piloto espanhol Fernando Alonso, atualmente na Renault.Veja também: Alemão Vettel substitui Coulthard na Red Bull em 2009"Alonso é um piloto fantástico e tenho grande respeito por ele. Considero-o um dos três melhores do mundo, mas não era o momento adequado para a equipe nem para ele", comentou.Horner explicou ainda a preferência pelo alemão Sebastian Vettel, que estava na Toro Rosso - de propriedade da Red Bull."Vettel é membro do programa de jovens pilotos de Red Bull há muitos anos. Desde que David Coulthard anunciou sua aposentadoria, foi uma decisão fácil e natural substitui-lo", afirmou Horner.Vettel, que completou 21 anos no último dia 3, foi confirmado como piloto da escuderia Red Bull para a próxima temporada no lugar do escocês Coulthard, que anunciou sua retirada há duas semanas.O melhor momento do alemão este ano foi o quarto lugar no Grande Prêmio de Mônaco. Seu companheiro de equipe será o australiano Mark Webber.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.