Red Bull amplia parceria com a Renault por mais 5 anos

A Red Bull anunciou nesta sexta-feira, dia dos primeiros treinos livres para o GP da Itália, marcado para este domingo, que estendeu sua parceria com a Renault para seguir usando motores da fabricante francesa pelos próximos cinco anos.

AE, Agência Estado

09 de setembro de 2011 | 08h49

Atual campeã mundial e dominando o campeonato de 2011 com Sebastian Vettel e Mark Webber nas duas primeiras posições, a equipe austríaca festejou a ampliação do acordo com a Renault, que foi iniciado em 2007. "Red Bull Racing e Renault Sport F-1 estão orgulhosos de confirmar a extensão de sua vitoriosa parceria por mais cinco anos", disse a Red Bull, por meio de um comunicado divulgado após o primeiro treino livre do GP da Itália, em Monza.

Ao confirmar a ampliação do acordo com a Renault, a Red Bull também enfatizou que o "novo motor turbo V6 1.6L que será introduzido a partir de 2014 será incorporado como um marco de uma colaboração que tem aumentado" entre as duas partes.

Enquanto não estrear o novo motor em 2014, que estará alinhado ao regulamento de motores da Fórmula 1 a partir daquele ano, a Red Bull seguirá usando o propulsor V8 da Renault nas temporadas de 2012 e 2013.

Impulsionada pelos motores da fabricante francesa, a Red Bull conquistou 22 vitórias, 32 pole positions e foi campeã mundial de pilotos e de construtores, feito garantido no ano passado.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Red BullRenault

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.