Red Bull espera ter melhor performance na Hungria

Vice-líder no Mundial de Construtores da Fórmula 1 - atrás da McLaren -, a Red Bull teve um desempenho apenas razoável no GP da Alemanha disputado neste domingo. O alemão Sebastian Vettel foi o terceiro colocado e empatou na terceira colocação do Mundial de Pilotos com seu companheiro de equipe, o australiano Mark Webber, que foi o sexto no circuito de Hockenheim.

AE, Agência Estado

25 de julho de 2010 | 18h04

Apesar da performance abaixo do esperado, ambos acreditam em evolução já para o GP da Hungria, a próxima etapa da temporada, que acontece no domingo que vem. "Para andar na frente é preciso ter um carro competitivo e é isso que esperamos ter na próxima corrida", disse Webber. "Foi uma boa corrida, só não podemos deixar a Ferrari ser tão mais rápida do que nós na Hungria", completou Vettel, lembrando que a equipe italiana fez dobradinha na Alemanha, com o espanhol Fernando Alonso em primeiro lugar e o brasileiro Felipe Massa em segundo.

Os companheiros da Red Bull também concordaram sobre a importância do início da corrida deste domingo. Vettel, porém, analisou como negativo seu começo de prova, enquanto Webber afirmou que esteve bem no princípio.

"Normalmente tenho ótimos inícios de prova, então não sei bem o que aconteceu dessa vez. Tive alguns problemas que fizeram com que meus primeiros metros de aceleração tenham sido fracos", disse o alemão, que largou na pole e logo caiu para o terceiro lugar.

"Eu gostei da primeira parte da corrida, na qual tive uma boa briga com o Hamilton. Quando fui para os boxes pensei que o Lewis fosse na mesma volta, mas ele ficou mais uma. Acabei perdendo um pouco de pista para ele", analisou o australiano, ao justificar sua sexta colocação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.